Consultores Cegos

Consultores Cegos

– Sara Tucker:
Senior Consultant CEGOS. Acompanha as empresas no seu desempenho comercial, intervindo, igualmente, junto dos Masters de algumas das maiores escolas parisienses, nomeadamente Dauphine e Supélec.
No seu campo de atuação, intervém em toda a cadeia de valor do projeto do cliente: da resposta ao pedido de implementação e ao relatório, seja para um único grupo ou para vários grupos na Europa e em todo o mundo.
O seu valor agregado: intervém particularmente quando se trata de mudar a postura para otimizar os resultados da equipa ou a satisfação do cliente, incluindo as principais contas.

– Gaëlle Menin-Urien:
Manager da área de formação em vendas, negociação e relacionamento com clientes do grupo CEGOS. Anteriormente era Manager de uma empresa de distribuição de alimentos. Gosta de transmitir a convicção de que a venda é acima de tudo um encontro humano, e que é a qualidade deste encontro que dá origem a um desempenho comercial sustentável.
Para o grupo CEGOS, projeta e desenvolve uma oferta de mais de 40 formações em vendas, negociação e relacionamento com clientes; gere uma rede de 60 consultores e especialistas profissionais em todas as áreas de vendas e negociação (fundamentos de vendas, negociação, prospeção, eficiência comercial, eficiência relacional, vendas complexas); aconselha e apoia as grandes empresas na reflexão e criação de escolas de vendas e relações com clientes. Gere o Executive Master Management Commercial em parceria com a Universidade Paris Dauphine. É autora do livro “Vendas e Negociações para Não-Especialistas”, Dunod.

– Philippe Gerard:
Gestor CEGOS, lidera cursos de formação em projetos de transformação digital e liderança. Desenvolve formação à medida para empresas e aconselhamento na sua estratégia de comunicação digital. Co-autor de “Communication Manager” 3ª edição publicada pela Dunod em junho de 2016.

– Nathalie Van Laethem:
Manager de Oferta e Expertise Marketing. Associate Manager, responsável pela oferta da CEGOS em marketing e especialista em web-marketing. É responsável por toda a formação de marketing e web-marketing, define e desenvolve guias e cursos de formação personalizados. Especialista em estratégia de marketing, plano de marketing, branding e marketing mix, acompanha e forma diretores e responsáveis de marketing em empresas ou PMEs. Graduada pela Ecole du Louvre, licenciada na CESA Marketing da HEC-ISA, ocupou os cargos de responsável de estudos de marketing, gestora de produto e gestora de marketing da BtoB.
Autora e co-autora de vários livros sobre Marketing e Plano de Marketing: “Le marketing orienté résultats” (2003. Dunod); “Le plan marketing” (2008. Dunod); “Toute la fonction marketing” (2008. Dunod); “La boite à outils du responsable marketing” (2007. Dunod).

Como e quando solicitar uma recomendação?

 Como e quando solicitar uma recomendação?

A recomendação tem um tremendo poder no processo de compra. Afinal, todos nós tendemos a confiar nos nossos amigos… e o word-of-mouth é o fenómeno resultante dessa confiança. Uma reputação pode ser feita ou descartada muito rapidamente, porque poucas pessoas questionam objetivamente a opinião dos seus amigos.

Consultores Cegos

Desenvolva uma proposta de valor

 Desenvolva uma proposta de valor

A elaboração de uma proposta de valor é a chave para o sucesso de qualquer oferta. Esta proposta deve ser construída em torno de três eixos. O primeiro eixo assenta na própria oferta e respetivos atributos, o segundo centra-se no consumidor e nos benefícios que este pode retirar dali. Por fim, o terceiro eixo reside

Consultores Cegos

10 tendências de marketing para 2018, está preparado?

 10 tendências de marketing para 2018, está preparado?

Quais as tendências de marketing para 2018? Quinze especialistas franceses e do outro lado do Atlântico emitiram as suas visões para o  Talkwalker. E são 10 as tendências de marketing que estão claramente a emergir: desde o vídeo para chatbots, sem esquecer o social selling. Apresentamos uma síntese com os pontos-chave a reter.

Consultores Cegos

A emoção para além do produto

 A emoção para além do produto

A experiência do cliente permite colocar o “coração” no relacionamento entre marca-cliente, reforçando que a emoção é mais valorizada que o produto. Desta forma, para as marcas, é necessário adaptarem a própria conceção das suas ofertas de serviço. Porque o produto sozinho com os seus atributos já não é suficiente para satisfazer as necessidades atuais.

Consultores Cegos

Subscreva o Blog

For security reasons, JavaScript and Cookies must be enable in your browser to subscribe