10 dicas para utilizar o LinkedIn de forma eficaz

Por o 7 Setembro 2017

O LinkedIn é uma rede social que visa fomentar e desenvolver contactos profissionais e que tem a capacidade de nos ajudar a alavancar a nossa carreira ou a prejudicá-la, caso não tenhamos o cuidado de agir respeitando algumas regras. Veja aqui como usar o LinkedIn corretamente.

10 dicas para utilizar o LinkedIn de forma eficaz

 

LinkedIn- a rede profissional por excelência

O LinkedIn é uma rede social, orientada para negócios, oportunidades e percursos profissionais, que visa promover a interação entre profissionais – de diversas áreas – capitalizando a sua credibilidade, aptidões e/ou capacidades dos mesmos. Tanto promove o nível profissional, como lhe permite ter conhecimento do que se encontra a ser feito por outros profissionais, empresas ou setores de interesse, permitindo um foco de informação que lhe poderá ser útil, não só para o seu próprio desenvolvimento profissional, como em termos de perspetiva de carreira.

Através da sua rede de contactos – com outros profissionais – poderá, não só, expor de uma forma detalhada o seu percurso, como conseguir oportunidades do seu interesse, pertencer a grupos específicos onde se partilhem ideias e dicas sobre a sua área de especialidade, aumentar a sua rede e estar informado das tendências do setor.

Mas e por se tratar de uma rede social que visa fomentar e desenvolver contactos profissionais – e que conta já com mais de 500 milhões de utilizadores – a mesma tem a capacidade de nos ajudar a alavancar a nossa carreira, ou a prejudicá-la – caso não tenhamos o cuidado de agir respeitando algumas regras – mesmo não havendo um código de conduta identificado.

Certifique-se de que utiliza esta rede social de forma eficaz capitalizando o que é do seu interesse sem se prejudicar.

 

Dicas para usar o LinkedIn corretamente:

1 – Transmita uma imagem profissional

Isso passa, por exemplo, por ter uma foto de perfil de cariz profissional em detrimento de outras mais pessoais. Não coloque imagens suas de biquíni ou calções, ou roupa de sair à noite com brilhos, lantejoulas ou demasiado descontraída. Tenha igualmente atenção aos fundos que se vê nas fotografias que coloca – uma imagem sua num bar, ou de copo na mão – transmite a ideia de que é uma pessoa que gosta de se divertir, ou que sai bastante à noite, passando uma imagem de pouca responsabilidade. O mesmo acontece com fotografias em óculos de sol. Numa rede de contactos profissionais há a necessidade de se ver bem o profissional, de verificar se ele nos inspira credibilidade, confiança, rigor, profissionalismo. Lembre-se que a maior parte dos recrutadores utiliza esta rede social para obter informações sobre os candidatos antes de os recrutar ou convocar para uma entrevista de emprego, logo e à semelhança de uma, apresente-se como se fosse a uma entrevista de emprego. Não abuse no vestuário chamativo, não tenha fotos que criem ‘ruído’, ou seja, que mostrem uma faceta mais pessoal – seja com os filhos, na praia ou a praticar um dos seus hobbies (a não ser, claro, que essa seja a sua área de trabalho, nesse caso, há exceções que são permitidas). Apresente-se descontraído, mas assertivo, empático e acima de tudo, credível.

 

2 – Personalize o URL do seu perfil 

E, mais uma vez, tenha uma apresentação mais profissional da sua pessoa e igualmente mais fácil de partilhar entre empregadores e sempre que necessitar. Em vez de ter um URL extenso e cheio de números no final, edite com o seu próprio nome, personalizando-o. Exemplo: http://www.linkedin.com/in/joaosantos

 

3 – Organize secções do seu perfil e forneça amostras de trabalho

Não deixe espaços em branco no descritivo do seu perfil. Forneça informação e organize o mesmo de forma a estar apresentável, bem organizado, completo e atualizado. Adicione vídeos, imagens, documentos ou links à medida que o for preenchendo e que permitam a terceiros ver o seu trabalho ou projetos onde esteve envolvido, ou empresas por onde passou. Atualizar o seu perfil de LinkedIn não passa apenas por atualizar o email ou o contacto telefónico, mas também os feeds, a timeline, status e discussões em fóruns.

 

4 – O seu perfil de LinkedIn é o seu cartão de visita

Logo, trate-o como tal, sendo que o mesmo se encontra visível a qualquer um que procure informações sobre si. Deverá ser sucinto e de fácil visualização e compreensão. Quem utiliza esta rede social não pretende o seu CV completo, mas ter uma noção muito clara e concreta do que já fez, qual a sua experiência profissional, que empresas ingressou, quais os seus estudos e aptidões, cursos ou formações, idiomas que domina e área de especialidade. Deverá ter isso em linha de conta para atrair visualizações ao seu perfil e visitas profissionais que lhe possam interessar.

 

5 – Recomende e seja recomendado

Ter outros profissionais a recomendar as suas competências é o melhor “cartão” de recomendação que pode ter perante um recrutador ou outros profissionais, empresas ou setores de interesse. Por isso, recomende e seja recomendado. Geralmente quando se faz é de ‘bom tom’, retribuir.

 

O que achou destas dicas? Fique atento ao blog e acompanhe as próximas 5 dicas para utilizar o LinkedIn de forma eficaz.

 

Para saber mais sobre este tema, recomendamos a formação CEGOC LinkedIn

/5 - Voir tous les avis

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Avatar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva o Blog

For security reasons, JavaScript and Cookies must be enable in your browser to subscribe